Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Infância e Educação Infantil
Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Infância e Educação Infantil

Projetos de Extensão

Fórum Mineiro de Educação Infantil

O Fórum Mineiro de Educação Infantil foi criado em 1998 por setores da sociedade civil, organismos governamentais e não-governamentais, instituições de ensino superior, conselhos e outros agentes sociais. Desde então, a UFMG integra o Fórum, contando com a participação de professores(as) do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Infância e Educação Infantil, NEPEI, da Faculdade de Educação da UFMG. Tem como objetivo articular um espaço de mobilização, de veiculação de informação, de definição de prioridades e de estratégias que promovam políticas comprometidas com a infância e seus direitos a uma educação de qualidade. O FMEI integra, juntamente com outros 27 fóruns de capitais do Brasil e do Distrito Federal, o Movimento Interfóruns de Educação Infantil do Brasil – MIEIB. O FMEI, juntamente com o NEPEI, realiza o evento FMEI e NEPEI convidam, que consiste em palestras ministradas por especialistas sobre temas relacionados à Educação Infantil. Anualmente,  realiza-se o Encontro Ampliado, no qual os membros do Fórum e simpatizantes discutem as pautas que serão priorizadas e que orientarão as ações a serem desenvolvidas durante o período de um ano, até o próximo encontro. Também delibera-se sobre a composição da Comissão Articuladora, responsável pela direção do movimento. A UFMG, como integrante da Comissão Articuladora, vem sediando o FMEI, nos últimos dez anos de funcionamento.

Equipe
Professoras
Mônica Correia Baptista; Lívia Maria Fraga Vieira
Doutoranda
Frandeline rodrigues Silva

Site
Fórum Mineiro de Educação Infantil

Programa Bebeteca

A Bebeteca da Faculdade de Educação foi inaugurada em outubro de 2011, durante a realização do IX Jogo do Livro e do III Fórum Ibero-Americano de Letramentos e Aprendizagens, organizados pelo Centro de Alfabetização Leitura e Escrita da Faculdade de Educação da UFMG. Por localizar-se em uma faculdade responsável pela formação de professores(as), possui como principal objetivo potencializar a formação de docentes ou de profissionais, que atuam ou que atuarão como mediadores(as) e promotores(as) de leitura junto a crianças de zero a seis anos de idade. Parte-se do pressuposto de que as crianças, desde bem pequenas, são sujeitos capazes de interagir com os signos e símbolos, bem como de atribuir distintos significados a partir dessa interação. Nesse sentido, o trabalho com a leitura de livros e textos na educação infantil, ao respeitar a criança como produtora de cultura, assume um papel importante não apenas na formação de leitores(as), mas na própria constituição dos sujeitos. A Bebeteca constitui-se, pois, em um espaço de criação e fomento de modos de ler o mundo e a si mesmo. Atualmente, o Programa conta com três projetos: Tertúlia literária; Oficinas de Formação de Promotores e Mediadores de Leitura – PROLLEI, O que tem nessa Bebeteca e Nana Neném: entre livros, histórias e canções. Em cada um deles, busca-se, nesse espaço multimodal, capacitar alunos(as) da graduação, da pós-graduação, professores(as), bibliotecários(as) e outros(as) possíveis mediadores(as) a promover a leitura junto a crianças menores de seis anos de idade, fomentando sua experiência estética, emocional e cognitiva. A Bebeteca possui um acervo de mais de 2.000 livros, materiais videográficos e documentos registrados em suportes destinados à consulta, pesquisa, estudo ou leitura. A constituição do acervo é feita a partir de curadoria assumida por pesquisadores(as) do Grupo Leitura e Escrita na Primeira Infância – LEPI, ligado ao NEPEI.

Equipe
Professoras
Mônica Correia Baptista; Telma Borges; Vanessa Ferraz Almeida Neves
Mestrandas
Ana Claudia Figueiredo Brasil Silva Melo; Mariana Parreira Lara do Amaral
Graduandas
Ana Carolina Silva Correia; Camila Souza Petrovitch; Dayse Martins Picancio; Júlia Viégas Borges; Laís Villela Penna
Colaboradora
Bárbara Poliana Rodrigues Torres Versieux

Instagram
@bebetecaufmg

Contato
programabebeteca@gmail.com

Leitura e Escrita na Educação Infantil – Curso de atualização a distância

O curso de extensão Leitura e Escrita na Educação Infantil tem como objetivo formar professores(as), coordenadores(as) pedagógicos(as), gestores(as) de instituições públicas de Educação Infantil ou de instituições conveniadas com o poder público e gestores(as) da Secretaria Estadual de Educação e de Secretarias Municipais de Educação responsáveis pela coordenação da Educação Infantil, em municípios mineiros, para que seja assegurado um trabalho pedagógico de qualidade com as linguagens oral e escrita, em creches e pré-escolas do estado. O curso é financiado com recursos de Emendas Parlamentares da Deputada Áurea Carolina – PSOL/MG e do Deputado Rogério Correia – PT/MG. A área da Educação Infantil enfrenta o desafio de construir propostas pedagógicas capazes de respeitar as especificidades dos bebês e demais crianças pequenas. O processo de apropriação da linguagem escrita e sua relação com as práticas pedagógicas desenvolvidas na Educação Infantil são temas emblemáticos nessa construção da identidade e da qualidade do atendimento na Educação Infantil. Nas últimas décadas, sob diferentes enfoques, várias áreas de estudos têm se dedicado à alfabetização, leitura e escrita das crianças pequenas, e diferentes visões estão presentes nas políticas e nas práticas, exigindo das educadoras reflexões e posicionamentos. Em 2016, a UFMG, em parceria com a UFRJ e UNIRIO, desenvolveu o Projeto Leitura e Escrita na Educação Infantil, com financiamento do Ministério da Educação. Tendo realizado seminários internacionais; reuniões com grupos de pesquisa, nacionais e estrangeiros, e com profissionais da Educação Infantil; investigações sobre as práticas pedagógicas e o estado do conhecimento sobre a temática, o Projeto resultou na proposição de um curso de extensão, de 120 horas presenciais, com material didático próprio: a Coleção Leitura e Escrita na Educação Infantil. A Coleção é composta por oito cadernos temáticos, um caderno de apresentação e um encarte, destinado ao trabalho com as famílias das crianças. As unidades, em número de três por caderno, são estruturadas em seções, que procuram articular ciência, arte e vida. Nesse sentido, os textos das unidades, além de veicular conteúdos teóricos, escritos por renomado(a)s pesquisadore(a)s das áreas de Linguagem e Infância, asseguram o compartilhamento de experiências pedagógicas, permitindo, às cursistas, acessar práticas que dão concretude à discussão teórica. Constam também, nas unidades temáticas, referências artísticas, relacionadas à dança, ao teatro, ao cinema, à literatura, às artes visuais, buscando ampliar as experiências estéticas das professoras cursistas. Com a impossibilidade de desenvolvermos atividades presenciais em função da pandemia da Covid-19, o curso passou por reestruturação para que pudesse ser ofertado na modalidade a distância. As aulas estão previstas para iniciar no primeiro semestre de 2021.

Equipe
Coordenação
Mônica Correia Baptista
Pesquisadoras
Hilda Micarello (Coordenadora Adjunta – UFJF); Vanessa Ferraz Almeida Neves (NEPEI/UFMG); Angela Barreto (assessoria); Rita de Cássia de Freitas Coelho (co-coordenadora CAEDI/UFJF); Patrícia Corsino (co-coordenador UFRJ); Maria Fernanda Nunes (Co-coordenadora UNIRIO).

Contato: projetolepi@gmail.com 

Site
Leitura e Escrita na Educação Infantil

Infância e Escolarização

O presente programa de pesquisa, ensino e extensão tem como objetivo acompanhar uma turma de crianças ao longo de toda a sua trajetória na Educação Infantil por meio de uma abordagem baseada na Psicologia histórico-cultural, na Etnografia em Educação e nos Estudos da Infância. Iniciamos o programa em 2017, momento em que os bebês, entre sete e dez meses de idade, ingressaram na EMEI Tupi. Acompanharemos essas crianças até 2022, momento em que elas serão encaminhadas para o Ensino Fundamental. Temos como objetivo geral, compreender, a partir de diferentes perspectivas (famílias, professoras e bebês), o processo de desenvolvimento cultural dos bebês no contexto das práticas educativas em uma instituição pública de educação infantil. Ao longo de todo o processo investigativo, realizaremos Ciclos de Estudos com o objetivo de envolver as professoras da EMEI investigadas em um processo de tomada de consciência e formação, ampliando as possibilidades das práticas educativas desenvolvidas por elas.

Equipe
Coordenação
Vanessa Ferraz Almeida Neves (Coordenadora);
Vice- coordenação
Maria de Fátima Cardoso Gomes (Vice-coordenadora);
Pesquisadoras colaboradoras
Maria Inês Mafra Goulart
Laurie Katz (Ohio State University
Angela Barreto
Doutorandas
Alice Macário; Elenice Silva; Isabela Dominici; Jacqueline Silva; Kelly Penafiel; Larissa Ribeiro; Virgínia Oliveira; Viviane Silva
Mestre
Luíza Cortezzi
Mestranda
Débora Reis; Fabíola Ribeiro
Estudantes da Graduação
Bianca Palucci Calil
Camila Matos

Site
Em construção

Contato
vfaneves@ufmg.br

Projeto Linguagem Corporal na Educação Infantil de 0 a 3 anos: Capacitação de Educadores da Rede Municipal de BH numa Perspectiva Teórico-Prática

O projeto é um dos projetos de extensão do Curso de Licenciatura em Dança da Escola de Belas Artes da UFMG vinculados à Pró-Reitoria de Extensão (registro Nº: 401204).Visa a partir de um trabalho experimental, promover formação para professores da rede municipal de BH, desenvolvendo oficinas e produção de material didático contribuindo para a efetivação do trabalho da Linguagem Corporal.

É importante ressaltar que esse projeto é a culminância de várias ações que se iniciaram em 2007 junto a Gerência de Educação Infantil da SMED de Belo Horizonte, nas seguintes etapas:

1ª etapa: 2007 a 2009 – participação na elaboração e lançamento da versão preliminar das Proposições Curriculares da Ed. Infantil de BH.

2ª etapa: 2010 – participação no Programa Infazia – Infância na Regional Barreiro: a cooperação Itália – Brasil na Ed. Infantil.

3ª etapa: 2011 – projeto piloto na UMEI Granja de Freitas com alunas voluntárias do curso de Licenciatura em Dança da EBA/UFMG.

4ª etapa: a partir de 2012 – início das atividades extensionistas do projeto vinculadas a Proex-UFMG e reescrita das Proposições Curriculares.

A partir de 2013 este projeto passa a integrar as atividades do Laboratório de Estudos do Gesto e Cognição – GESTOLab, também coordenado pela Professora Ana Cristina C. Pereira.

Equipe
Professora Dra. Ana Cristina Carvalho Pereira

Contato
anacristina.cpereira@gmail.com

Site
Projeto de Extensão Linguagem Corporal na Educação Infantil

Nossa! Genau zusammen: construindo redes de colaboração entre Brasil e Alemanha

O presente projeto de Extensão tem como ponto de partida o Convênio de Intercâmbio entre a Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais e a Universidade de Música e Teatro de Rostock (HMT, Alemanha). Na mesma oportunidade, participaram representantes de vários países da Europa, África, sendo o Brasil o único representante na América Latina através da Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais. O projeto  iniciou-se em 2019, com  atividades de intercâmbio com a Universidade de Música e Teatro de Rostock (HMT) e com a Universidade de Lomé, em Togo.

Equipe
Coordenadora
Profa Dra. Rosvita Kolb Bernardes
Professora colaboradora
Profa. Dra Ana Cristina Carvalho Pereira
Graduandas
Lisandra Marques; Camila Silverio
Simone Lima, Gabriela Silva, Anna Claudia Rocha.
Membro Internacional
Professora Marion Kuster da Universidade de Música e Teatro de Rostock , HMT, Alemanha

Contato
rosvitakolb@gmail.com

Site
Young IDEA ism
Young IDEA